Iémen: Presidente anuncia "retirada" para os EUA

O Presidente iemenita, Ali Abdallah Saleh, que deverá abandonar o poder em Fevereiro no âmbito de um acordo sob mediação internacional, anunciou hoje que vai retirar-se para os Estados Unidos "nos próximos dias".

"Nos próximos dias desloco-me aos Estados Unidos não por motivos de saúde, porque me sinto bem, mas para facilitar (...) a eleição presidencial antecipada", prevista para 21 de Fevereiro, anunciou Saleh durante uma conferência de imprensa em Sanna.

A decisão do líder iemenita coincidiu com novos incidentes violentos num bairro da capital que provocaram a morte de sete manifestantes anti-regime, vítimas dos disparos das forças de segurança e de partidários do Presidente Saleh.

Dezenas de pessoas também ficaram feridas quando as forças policiais dispararam e utilizaram gás lacrimogéneo e canhões de água para impedir uma marcha de dezenas de milhares de opositores, que exigiam o julgamento de Saleh.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG