Explosão de carro armadilhado faz 26 mortos na região norte

Um carro armadilhado explodiu hoje na região norte da Síria matando pelo menos 26 pessoas, a maioria elementos das forças rebeldes, divulgou o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

O ataque bombista ocorreu na cidade de Jarablos, na província de Alepo, que tem sido palco nos últimos dias de violentos combates entre o Estado Islâmico no Iraque e no Levante (EIIL, movimento aliado da Al-Qaeda) e as forças rebeldes sírias.

Entre as vítimas mortais do atentado estão três civis, indicou o OSDH.

Em declarações à agência francesa AFP, o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman, indicou que o incidente terá sido "um ataque preparado pelo EIIL", uma vez que os jihadistas estão a perder terreno naquela cidade.

Ativistas da província de Alepo informaram entretanto que a cidade de Jarablos foi palco de dois ataques com carros-bomba com um intervalo de poucos minutos.

"Dois ataques com carros armadilhados ocorreram em Jarablos, um perto de uma escola de agricultura, e outro perto da prisão", afirmou Nazeer al-Khatib, um jornalista local.

Os dois locais eram usados como bases pelas forças rebeldes que combatem os jihadistas do EIIL.

O conflito na Síria, que começou em março de 2011 na sequência da repressão de protestos antigovernamentais, já causou, de acordo com a organização não-governamental OSDH, mais de 130.000 mortos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG