Três mil pessoas bloquearam Banco Central Europeu

Cerca de três mil manifestantes - segundo os números da organização anti-capitalista Blockupy - estiveram esta manhã em protesto, bloqueando o Banco Central Europeu (BCE) e a sede do banco alemão Deutsche Bank, em Frankfurt, contra as políticas de austeridade na zona euro. Entretanto, no fim da manhã, os manifestantes dispersaram, segundo a AFP.

Cerca de três mil pessoas - os números da polícia são diferentes: entre as 1200 e as 1500 pessoas estavam na iniciativa - convocados pela organização anti-capitalista Blockupy bloquearam esta manhã a entrada para o Banco Central Europeu. O bloqueio terminou no fim da manhã de hoje.

Após a concentração em frente ao BCE, parte dos manifestantes pretende alastrar o protesto e avança para o aeroporto de Frankfurt, contudo, sem grande esperança de chegar segundo a organização Blockupy, devido às numerosas barreiras policiais instaladas à volta do terceiro maior aeroporto europeu.

As barreiras de segurança já estavam instaladas em torno do BCE e nas imediações da instituição desde quarta-feira para proibir aos manifestantes de bloquearem o banco. Várias centenas de polícias foram colocados no centro da cidade, constatou um jornalista da AFP.

VEJA O VÍDEO:

Mais Notícias

Outras Notícias GMG