Suspeito dos atentados tem opiniões hostis ao islão, segundo a polícia

O homem de 32 anos, identificado pela imprensa como Anders Behring Breivik, suspeito de ser o autor do duplo atentado à bomba em Oslo tem opiniões hostis ao islão, revelou a polícia norueguesa, sem indicar os motivos do crime.

Os elementos divulgados na Internet pelo suspeito levam as autoridades a pensar que o homem de 32 anos "tem alguns traços políticos conotados com a política de direita e anti-muçulmana, mas é muito cedo para dizer se isso motivou a sua acção", disse o comissário da polícia, Sveinung Sponheim, à televisão pública NRK.

Pelo menos 87 pessoas morreram nos atentados - 80 na ilha próxima da capital norueguesa, onde decorria uma universidade de verão da juventude trabalhista, e sete na explosão nas imediações do edifício governamental.

A polícia não revelou a identidade do homem de 32 anos detido sob suspeita de autoria dos atentados, mas a imprensa local, incluindo a televisão NRK, já divulgou imagens do homem e identificou-o como Anders Behring Breivik.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG