Vice-presidente venezuelano leva à cimeira CELAC-UE texto escrito por Hugo Chávez

O vice-presidente venezuelano, Nicolás Maduro, afirmou no sábado que leria na cimeira da Comunidade de Estados Latino-americanos e Caribenhos (CELAC)-União Europeia (UE) um texto escrito pelo presidente Hugo Chávez.

"Levamos o espírito, o pensamento escrito com as próprias mãos do comandante Chávez a essa cimeira de Estados", afirmou Maduro, citado pela agência Efe.

Chávez está em Cuba, onde foi submetido a uma operação, em dezembro, para combater um cancro na região pélvica. Ainda no sábado, Maduro, afirmou que o presidente venezuelano vivia o "melhor momento" de sua recuperação.

O vice-presidente venezuelano, que representa Chávez na cimeira CELAC-UE neste fim de semana, em Santiago do Chile, realçou que a mensagem do presidente engloba um conjunto de "propostas fundamentais" que só seriam divulgadas no momento de sua leitura.

No sábado, os líderes latino-americanos, caribenhos e europeus realizaram reunião fechada à imprensa. A cimeira termina na tarde de hoje, quando serão divulgados os acordos obtidos.

A cimeira de formação da CELAC ocorreu em dezembro de 2011, liderada por Chávez, na Venezuela. Esta é a primeira vez que o grupo faz um encontro oficial com a União Europeia.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG