Venda de cannabis rende 3,5 milhões dólares em impostos

As vendas de cannabis geraram uma receita fiscal de 3,5 milhões de dólares (2,5 milhões de euros) para o Estado do Colorado em janeiro, primeiro mês de comercialização autorizada ão de marijuana para fins não médicos.

O Colorado foi o primeiro Estado norte-americano a legalizar, em 01 de janeiro passado, a produção, venda e consumo de cannabis sem motivos médicos, aplicando uma taxa de 15% sobre o consumo e 2,9% sobre as vendas.

"O primeiro mês em que a cannabis para fins recreativos esteve em venda livre correspondeu às nossas expetativas", indicou a diretora de departamento de receitas fiscais do Colorado, Barbara Brohl.

No fim de mês de janeiro, 59 retalhistas declararam à administração fiscal estadual receitas resultantes da venda de cannabis.

Depois do Colorado, os consumidores do Estado de Washington, no noroeste dos EUA, também vão poder comprar legalmente cannabis para fins recreativos, durante este ano.

Até agora, 21 Estados autorizam o consumo de cannabis com fins médicos, mas continua a ser considerada uma droga ilegal pelas autoridades federais.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG