ONU alerta para deterioração da pobreza infantil no Canadá

A pobreza infantil no Canadá piorou ao longo da última década, anunciou na sexta-feira uma representante da ONU depois de concluir uma viagem por aquele país.

"O Canadá pode fazer melhor", afirmou Marta Mauras, vice-presidente do Comité das Nações Unidas para os Direitos das Crianças, citando números da UNICEF (Fundo das Nações Unidas para a Infância), que colocam aquele país no 24.º lugar em 35 países desenvolvidos.

De acordo com a UNICEF, uma em cada sete crianças canadianas vive na pobreza e a situação piora entre crianças indígenas, com uma em cada quatro em situação precária.

"Isto é uma clara deterioração [dos números] de há 10 anos", assinalou, citada pela AFP.

Mauras foi convidada por grupos de direitos das crianças do Canadá para verificar a implementação da convenção da ONU naquele país.

Em setembro, o comité a que preside escreveu um relatório sobre o Canadá no qual exprimia "preocupação com a falta de melhoria no nível de pobreza infantil".

O relatório destacava também a continuação dos "problemas de saúde como o peso, doenças mentais em crianças e mecanismos inadequados de monitorização do bem-estar infantil".

Foi também considerada insuficiente a coordenação entre os vários níveis do Governo no que diz respeito a servir as crianças e uma contabilização pouco clara dos gastos governamentais a esse nível.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG