Obama inicia visita oficial ao México e Costa Rica

O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, inicia hoje uma visita ao México e à Costa Rica, onde manterá encontros com os homólogos, Enrique Peña Nieto e Laura Chinchila, com um cariz sobretudo económico e comercial.

A visita terá uma forte componente económica e comercial, indicaram elementos da Casa Branca, ainda que a segurança continue a ser um dos aspetos chave da relação com o México e América Central, segundo analistas.

O Presidente norte-americano é esperado ao início da tarde na capital mexicana, onde se reunirá com Peña Nieto, estando prevista, para mais tarde, uma conferência de imprensa conjunta.

Na relação com o México queremos ir "mais além da segurança", afirmou Ben Rhodes, conselheiro adjunto da Segurança Nacional da Casa Branca.

Na sexta-feira, Obama vai proferir um discurso no Museu Nacional de Antropologia na capital mexicana, diante de uma plateia composta maioritariamente por estudantes universitários, colocando o destaque principalmente na forma como ambos os países beneficiam dos laços bilaterais económicos, educativos e culturais, disse Ben Rhodes.

O líder norte-americano segue depois para a Costa Rica, onde manterá um encontro com a Presidente Laura Chinchila, seguido de conferência de imprensa. À noite, reunir-se-á com representantes do Sistema de Integração Centro-americano (SICA), que inclui a República Dominicana, durante um jantar de trabalho.

Para Washington, a cooperação em matéria de segurança com a América Central é importante, mas o executivo de Obama afirma estar "à procura da componente económica da relação" e de "aumentar a integração económica" entre os países da região, explicou Rhodes, em declarações citadas pela agência noticiosa Efe.

No sábado, antes de regressar a Washington, Obama vai ser orador num fórum empresarial em São José, patrocinado, entre outros, pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Mais Notícias

Outras Notícias GMG