Dois mortos em explosão no hospital pediátrico da Cidade do México

(ATUALIZADA) Hospital ficou quase todo destruído. Três pessoas já foram detidas.

A explosão de um camião cisterna com gás junto a um hospital pediátrico na Cidade do México matou duas pessoas, uma mulher e uma criança, deixando dezenas feridas. Os números foram atualizados pelo presidente da câmara Miguel Angel Mancera, depois do responsável pelos serviços de emergência ter adianto que sete pessoas tinham morrido.

Segundo a Reuters, Mancera explicou que houve alguma confusão relativamente ao número de vítimas mortais e que uma das pessoas que estava a ser dada como morta, está gravemente ferida. Confirmou ainda estão contabilizados 66 feridos, 22 dos quais em estado grave. O autarca explicou que 70% do hospital ficou destruído. Três pessoas já foram detidas.

Cerca de cem pessoas estavam no momento da explosão no hospital e a Reuters revela que foram encontrados vivos vários bebés nos escombros do edifício. Os trabalhos para encontrar mais pessoas prosseguem.

(Notícia atualizada com o número de mortos às 20.39)

Mais Notícias

Outras Notícias GMG