Termina rebelião em presídio e reféns são libertados

Os 470 detidos amotinados que mantinham reféns há cerca de 26 horas na penitenciária da cidade de Aracajú, no estado de Sergipe, anunciaram hoje o fim da rebelião, segundo fontes oficiais.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, cerca de 80 dos 120 reféns feitos na tarde de domingo no Complexo Penitenciário Advogado Antônio Jacinto Filho foram libertados, cerca das 16:00 horas locais (20:00 horas em Lisboa) de hoje.

As outras vítimas, entre familiares e agentes penitenciários, foram soltas durante a manhã e a tarde de hoje, parte delas trocadas por água.

Autoridades da Polícia Militar e da Secretaria de Estado da Justiça estiveram no local e acordaram a transferência de cinco presos, possíveis líderes do motim. Outras reivindicações, como a demissão do diretor do presídio e a troca da empresa que fornece os agentes, não foram aceitas.

Após as negociações, os detidos entregaram à polícia duas caçadeiras calibre 12, duas armas teaser e 25 munições, retiradas aos agentes penitenciários.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, não houve feridos e as queixas de maus-tratos feitas pelos presos serão investigadas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG