Ama é apanhada por câmaras a bater em bebé de 7 meses

As câmaras instaladas numa casa em Andradina, no interior de São Paulo, registaram uma ama a bater num bebé de 7 meses, enquanto tomava conta dele.

A mulher estava a cuidar da criança em sua casa, enquanto os pais estavam ausentes. O equipamento de vigilância tinha sido instalado por causa dos ladrões, mas a mulher não sabia da sua existência. A notícia é avançada pelo site brasileiro "globo.com" e as imagens correram Brasil - estas são do canal Folhda da Região.

As imagens mostram o momento em que a mulher vai alimentar o bebé; ela segura no rosto da criança e tenta força-la a comer. Instantes depois, olha para trás para ver se não está a ser observada e, em seguida dá-lhe uma estalada.

Os pais não suspeitavam dos maus-tratos, mas, depois de verem esta gravação procuraram mais imagens, antigas, e encontraram outro vídeo em que a mulher volta a olhar para trás e, de seguida, aperta o rosto da criança. Esta agressão aconteceu no momento em que ela tentava adormecer o bebé.

A ama foi despedida e a polícia foi chamada, mas, como a mulher não foi apanhada em flagrante, não foi presa. Agora, a justiça brasileira decidirá se a mulher será indiciada por maus-tratos ou por tortura. A pena pode chegar a quatro anos de prisão.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG