400 detidos amotinados em prisão de Aracaju

Mais de 400 detidos de uma prisão do nordeste do Brasil iniciaram domingo um motim fazendo reféns 128 familiares, incluindo mulheres e crianças e três guardas prisionais, revelou a polícia local.

Os detidos da prisão Advogado Jacinto Filho de Aracaju, capital do estado de Segipe, estão armados com três espingardas furtados do depósito de armas.

Entre as reivindicações dos reclusos amotinados estão melhor alimentação, fim de abusos e agressões e anunciaram que irão entregar à Justiça uma lista com nomes dos agressores.

O motim começou na hora da visita da manhã e, à tarde, os reclusos queimaram vários colchões.

Mais de 130 agentes policiais estão em redor do presídio onde a luz foi cortada e onde decorrem negociações entre as autoridades e os amotinados.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG