11 mortos e seis desaparecidos devido a chuvas no Brasil

A forte chuva que atingiu a cidade de Lajedinho, na Baía, durante o fim de semana, deixou um rasto de destruição, com onze pessoas mortas e seis ainda desaparecidas, divulgou hoje a Defesa Civil brasileira.

A água invadiu casas, comércios e a sede do governo municipal, chegando a uma altura de dois metros, segundo moradores, citados pela imprensa local. Cerca de 200 famílias ficaram desalojadas.

A tempestade atingiu a cidade durante duas horas, entre a noite de sábado e o início da madrugada de domingo. Neste período, choveu 120 milímetros, o equivalente a quase dois meses de precipitação na região. Os cerca de 4.000 moradores do município, que têm enfrentado a seca, há muito tempo que não viam cair uma chuva tão forte.

A prefeitura decretou luto oficial de três dias, a partir de hoje. Lajedinho fica a 355 quilómetros de Salvador, a capital do Estado.

"A estiagem prolongada deixou o solo impermeável, bloqueou a entrada da chuva e a água escorreu pelos vales, atingindo a cidade em cheio", referiu o prefeito Antonio Mario de Lima, citado pelo jornal O Estado de São Paulo.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG