Cão abandonado com uma mala com os seus pertences

O Shar-Pei tinha um chip, mas o dono registado diz que vendeu o animal em 2013. Autoridades tentam agora encontrar uma nova casa para o cão.

A notícia de um abandono de um cão ganhou na Escócia proporções diferentes pela forma como foi feito. O animal, um Shar-Pei entre os dois ou três anos de idade, foi encontrado preso numa estação de comboios em Ayr, cidade no sul da Escócia, com uma mala. Dentro desta estavam os pertences do cão, entre estes uma almofada, a tigela e até comida.

O inspetor da polícia escocesa, Stewart Taylor, afirmou, citado pela BBC, que apesar deste ato, "não deixa de ser um incidente cruel" e que estão a trabalhar para encontrar o responsável pelo abandono. O cão tinha um chip, mas o dono registado afirmou que tinha vendido o animal em 2013 e que não sabia detalhes de quem ficou com o Shar-Pei.

Além de tentar encontrar quem abandonou o cão, as autoridades escocesas querem que o Shar-Pei tenha uma nova casa, onde não corra riscos de voltar a ser abandonado.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG