Líder macaense lamenta vítimas de explosões em Taiwan

O chefe do Governo de Macau, Fernando Chui Sai On, manifestou hoje "profundo pesar e solidariedade" para com os feridos e familiares das vítimas mortais da explosão do gasoduto em Taiwan.

"O chefe do executivo, Chui Sai On, manifestou, hoje, em nome do Governo da Região Administrativa Especial de Macau e de toda a população de Macau, profundo pesar e solidariedade para com os feridos e familiares das vítimas da explosão de um gasoduto em Kaohsiung, Taiwan, que ocorreu hoje de madrugada e que causou várias vítimas mortais e feridos", lê-se na nota oficial divulgada pelo Gabinete de Comunicação Social.

Pelo menos 24 pessoas morreram e 271 ficaram feridas numa série de explosões em gasodutos ocorridas na noite de quinta-feira na cidade de Kaohsiung, no sul de Taiwan, segundo o último balanço das autoridades da ilha.

As fugas de gás começaram às 20:46 de quinta-feira (13:46 em Lisboa) e prolongaram-se até às 23:59 (16:59 em Lisboa). Ocorreram múltiplas explosões numa zona de dois a três quilómetros quadrados, no distrito de Cianjhen, segundo dados do Serviço Nacional de Bombeiros de Taiwan.

As explosões, que se estima terem sido provocadas por fugas de gás nos gasodutos subterrâneos, foram poderosas o suficiente para destruir carros e esventrar estradas pavimentadas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG