Brincadeira vira pesadelo em Phuket

Australiana, mãe de quatro crianças, não pode deixar a Tailândia depois de um alegado roubo

Uma australiana de 36 anos, mãe de quatro crianças, está impedida de deixar a Tailândia, depois de uma brincadeira ter acabado mal. Annice Smoel foi detida à saída de um bar de Phuket, com um tapete para copos dentro da mala.

Depois de quatro noites na prisão, esta mãe de Melbourne tem agora que enfrentar 14 semanas em fiança antes de poder ser julgada. Entretanto, não pode deixar o país.

Annice viajou com duas amigas, Samantha e Jodie, para celebrar o aniversário da mãe. As duas mulheres admitiram e pediram desculpa ao dono do mar, outro australiano, dizendo que foram elas que colocaram o tapete dentro da mala quando a amiga não estava presente.

O proprietário do bar, Steve Wood, disse a um site local que a polícia perseguiu Annice, que terá depois sido mal educada para um dos agentes. “Penso que é mais um problema de atitude do que um crime”, afirmou. Wood disse não ter apresentado queixa pelo roubo do tapete.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG