Al-Qaida reivindica autoria dos pacotes-bomba

Um grupo da Al-Qaida baseado no Iémen reivindicou hoje a responsabilidade pelo plano das bombas enviadas por correio, descoberto na última semana.

Depois de passada uma semana terem sido interceptados pacotes no Dubai e no Reino Unido, destinados aos Estados Unidos, a Al-Qaida na Península Arábica divulgou uma mensagem na qual assegura que continuará a atacar interesses norte-americanos.

Ambas as bombas estavam ligadas a detonadores que usavam a tecnologia dos telemóveis.

Dirigentes norte-americanos já tinham dito que pensavam que o responsável era o grupo iemenita.

A reivindicação foi divulgada pelo sítio da Internet SITE.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG