Governo fez bem em admitir um erro no corte de pensões?