O melhor, o pior e o mais excêntrico na mais estranha passadeira vermelha dos Óscares

As restrições foram imensas mas 200 puderam participar na festa, a 93.ª cerimónia de entrega dos Óscares. A passadeira vermelha miguou, mas continua a ser bom local para exercitar a criatividade. Dourado, branco e vermelho dominaram. A melhor realizadora foi de ténis e o músico Questlove levou crocs da mesma cor que a estatueta. Atraiu todas as objetivas.