A primeira-ministra britânica disse que se demite após o Brexit. Quem está na corrida à sua sucessão?
Exclusivo

Brexit

Eles estão na calha para suceder a May e negociar futura relação com UE

Primeira-ministra anunciou que, se o seu acordo de Brexit for aprovado, vai deixar a chefia do governo. Lista de eventuais sucessores é dominada por homens. Esta sexta-feira há novo debate na Câmara dos Comuns.

Depois de perder o referendo do Brexit, David Cameron demitiu-se da liderança do Partido Conservador e deixou o cargo de primeiro-ministro, abrindo caminho para que Theresa May assumisse o poder e liderasse a negociação para a saída do Reino Unido da União Europeia. Que devia acontecer hoje.

Mas face às dificuldades de os deputados (incluindo os conservadores) aprovarem o acordo que negociou com Bruxelas, a primeira-ministra anunciou na quarta-feira que vai demitir-se depois de este ter a luz verde do Parlamento britânico. Esta sexta-feira, haverá um novo debate e votação apenas sobre o acordo de saída (e não com a declaração política que o tem acompanhado até agora), na esperança de cumprir a exigência da União Europeia e permitir adiar o Brexit até 22 de maio.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG