Aconteceu em 1968 - A morte trágica de Gagarine

A primeira página do Diário de Notícias de 29 de março de 1968 dava conta da morte do primeiro homem a ir ao espaço. O cosmonauta soviético "pereceu num desastre de aviação".

"O herói da União Soviética efetuava um voo de rotina a bordo de um aparelho convencional", pode ler-se na primeira página do Diário de Notícias de 29 de março de 1968 que dava conta da morte de Yuri Gagarine "num desastre de aviação".

Num artigo intitulado "A morte trágica do primeiro homem no espaço", o DN lembrava "o herói sorridente que em 12 de abril de 1961 conferiu à Rússia um título de glória ao realizar a primeira órbita em volta da Terra".

A primeira notícia da morte do cosmonauta foi avançada pela Rádio Moscovo, tendo sido depois confirmada pela televisão russa, explica o DN. "Coronel e herói da União Soviética, Gagarine transformara-se em monumento soviético e internacional. O seu nome foi atribuído a milhares de fábricas, clubes juvenis, campos de prisioneiros e até a unidades para militares."

A notícia está ilustrada com uma fotografia de Gagarine e da mulher durante a visita que fizeram a Paris e na qual receberam um automóvel de presente.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG