Exclusivo DeepMind e Unity vão trabalhar juntas em projetos de inteligência artificial

A DeepMind, uma das divisões da Alphabet, a empresa-mãe da Google, anunciou que chegou a acordo com a Unity, empresa responsável por uma das plataformas mais populares para desenvolvimento de jogos de vídeo para a área da inteligência artificial.

O anúncio não está infelizmente recheado de pormenores, mas estabelece que esta colaboração passará pelo desenvolvimento de trabalhos conjuntos na área da aprendizagem automática e da inteligência artificial. A ideia passará por testes feitos em ambientes virtuais, com a DeepMind a referir que o trabalho com a Unity será uma maneira de "testar de forma flexível algoritmos para resolver problemas do mundo real".

A associação da DeepMind à Unity, muito ativa no mundo dos videojogos, não é propriamente aleatória: muitas empresas de jogos recorrem a IA para conseguir criar inimigos que consigam reagir de uma forma mais natural e mais inteligente. Tudo para conseguir uma experiência de jogo mais aliciante e desafiante.

Leia também | DeepMind: Inteligência artificial já faz diagnósticos tão bem quanto os médicos

Ainda assim, esta colaboração poderá não ficar apenas alicerçada no mundo dos videojogos. Afinal, a inteligência artificial pode ter múltiplas aplicações, desde o mundo dos carros conectados até ao universo da saúde, em que projetos como o Watson, da IBM, até já auxiliam no diagnóstico médico.

A DeepMind, criada no Reino Unido em 2010, foi adquirida pela Google em 2014, por cerca de 552 milhões de euros, já que nenhuma das partes revelou qual o valor final da aquisição. Não é a primeira vez que a DeepMind recorre ao mundo dos jogos para fazer testes e treinar algoritmos: já chegou a utilizar um jogo de Go para pôr a sua inteligência artificial contra jogadores reais.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG