Exclusivo Marechal Pétain julgado

O DN de 26 de julho de 1945 noticiava na primeira página o julgamento do marechal Pétain, líder do regime de Vichy, a parte de França que se submeteu à Alemanha nazi durante a Segunda Guerra Mundial, que terminou na Europa em maio.
,

Philippe Pétain, de 89 anos, marechal de França e herói da Primeira Guerra Mundial, continuava a ser julgado em Paris pela colaboração com a Alemanha nazi. O DN de 26 de julho contava que o antigo primeiro-ministro Paul Reynaud estava a depor quando os trabalhos tiveram de ser suspensos "em consequência de uma súbita indisposição do marechal provocada pelo calor". Líder do regime de Vichy, que governou parte de França desde a rendição em 1940 até à libertação no verão de 1945 pelos Aliados e as tropas da França Livre, o velho marechal foi condenado à morte, mas, pelo seu contributo histórico para o país antes da fase colaboracionista com a Alemanha hitleriana, a pena foi comutada em prisão perpétua. Pétain, que morreu em 1951, ocupa assim um lugar negro na história francesa durante a Segunda Guerra Mundial, por contraste com o general Charles de Gaulle, o líder da França Livre, que recusou a submissão e com apoio americano e britânico mobilizou a resistência francesa aos nazis, tanto no exterior como no interior do país.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG