Exclusivo Paulo Praça: "Chorei de alegria quando o Fausto aceitou o meu convite"

Habitual colaborador dos The Gift ou de Pedro Abrunhosa, o músico e cantor tem um novo trabalho a solo. Apresentado como um "disco identitário", Onde é também um livro de poesia e de fotografia, no qual canta José Régio, Ruy Belo ou Valter Hugo Mãe, entre outros, e que conta com as participações de Fausto e José Cid.

É um disco de afetos, este Onde, que marca o regresso a solo de Paulo Praça, habitual colaborador dos The Gift ou de Pedro Abrunhosa e membro de projetos musicais como Turbo Junkie, Plaza ou Amália Hoje. Artista da pop e do rock, o músico e cantor arrisca-se agora por territórios aparentemente mais tradicionais, num álbum que é acima de tudo uma declaração de amor à terra onde nasceu e ainda vive, Vila do Conde.

Filho assumido dos Velvet Underground e dos Beatles, também eles presentes no desfiar de memórias que é este livro-disco, em que a música surge acompanhada de um ensaio fotográfico da autoria de Cesário Alves. É no entanto a outro pai, chamemos-lhe assim, que Paulo Praça se vai inspirar, afirmando-se como um herdeiro direto de Fausto Bordalo Dias, no modo como junta modernidade e tradição num disco conceptual, com princípio, meio e fim, mas no qual cada canção consegue sobreviver por si própria.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG