Exclusivo Era um dos maiores peixes de água doce. Agora está extinto

O peixe-espátula-chinês era uma das mais emblemáticas espécies do rio Yangtzé, na China. A pesca em excesso e as barragens, que interferiram com a sua reprodução, ditaram o seu fim, dizem os cientistas.

Era um dos maiores peixes de água doce do mundo, o maior do rio chinês Yangtzé e até aos anos de 1970 era ali pescado em grandes quantidades, fazendo parte da alimentação das populações locais. Foi apenas há 40 anos, mas já pertence ao passado. O impressionante peixe-espátula-chinês (Psephurus gladius), que chegava a atingir sete metros de comprimento,foi dado como extinto. É a primeira espécie nesta lista negra em 2020.

O diagnóstico é de um grupo internacional de cientistas coordenado por Hui Zhang, da Academia das Ciências de Pesca, em Wuhan, na China, e foi feito num artigo publicado online na revista científica Science of the Total Environment.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG