Exclusivo Aconteceu em 1888 - Primeira exposição Industrial na Av. da Liberdade

Na primeira página do DN acumulavam-se as centenas de carateres, sem fotografia, e os títulos quase não sobressaiam dos textos. No canto esquerdo da edição de 8 de junho de 1888, nos "assumptos do dia", lá se dava conta da abertura da primeira Exposição das Indústrias Fabris na Av. da Liberdade, considerada à época (e ainda agora) a zona mais nobre e fina da cidade.

No relato do jornal, um rei "muito bem disposto" inaugurou a dita com grande solenidade e "no recinto da exposição e ao longo de toda a Avenida alguns milhares de de pessoas de todas as classes" acumularam-se para o evento. No programa da exposição, a electricidade deu ar da sua graça, ainda que numa tímida alusão à modernidade. As galerias da exposição além das indústrias rudimentares, que preenchiam as necessidades da vida do país, também acolheram outras já mais sofisticadas, como a secção Florestal, da Companhia Real da Agricultura Portuguesa, do Prncipe D. Carlos, ou a Empresa Cerâmica de Lisboa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG