Exclusivo Joana Carneiro e Olga Roriz vão ao coração da violência conjugal

Com encenação de Olga Roriz e direção musical de Joana Carneiro, as óperas O Castelo do Barba-Azul e A Voz Humana estão entre quarta-feira e domingo no Centro Cultural de Belém, numa coprodução do São Carlos.

Por mais maravilhosa que seja a música de Béla Bartók é difícil entrar n'O Castelo do Barba-Azul sem nos lembrarmos das dez mulheres e uma criança que neste ano já morreram vítimas de violência doméstica.

Olga Roriz e Joana Carneiro, que assinam, respetivamente, a encenação e direção musical, sabiam isso acerca da ópera que entre esta quarta-feira e domingo sobe ao palco do CCB, logo seguida de A Voz Humana, de Francis Poulenc, ambas numa coprodução com o Teatro Nacional de São Carlos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG