Azeitão."Não sei se é uma terra rica, mas é uma rica terra"
Exclusivo

Azeitão

Azeitão."Não sei se é uma terra rica, mas é uma rica terra"

É uma região com glamour, trazido pelas figuras públicas que ali escolheram viver ou ter uma casa de fim de semana. Mas é sobretudo uma terra com muita história e tradição, com a qual a natureza foi generosa: serra, mar e terras de vinhas.

Celestina Neves, presidente da junta de freguesia de Azeitão, estava na fila do supermercado quando sentiu tocarem-lhe no braço com alguma familiaridade. Pensou que fosse alguém conhecido, mas quando se virou ficou espantada - era Lorenzo de Medici que a queria cumprimentar. Desde que tinha sido noticiado que o descendente dos Medici tinha trocado a vida em Barcelona pela região que a autarca andava para lhe fazer uma visita de boas-vindas. As circunstâncias ditaram que os dois se conhecessem ali mesmo, entre os sacos de compras - uma mulher nascida na Covilhã que adotou Azeitão há 35 anos e aquele de quem dizem ser o último de uma linhagem da família italiana que foi mecenas de mestres do Renascimento como Botticelli, Michelangelo, Donatello..

Azeitão é sinónimo de glamour, trazido por muitas figuras públicas que ali escolheram viver ou ter casas de fim de semana, mas é sobretudo uma terra com história e tradição. Desde os monges franciscanos da Arrábida, à família real que procurava os bons ares da serra até ao crescimento de famílias que ali ganharam as suas raízes nos últimos dois séculos, como a família dos José Maria da Fonseca que, ao longo dos tempos e por via feminina, viu o nome substituído por Soares Franco. Ou dos Paiva, que trouxeram das Beiras a receita do queijo para o queijo de Azeitão.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG