Exclusivo De João Vieira Pinto a Ronaldo. Deixaram Portugal com menos de 20 anos e nem todos se deram bem

João Félix vai trocar o Benfica pelo Atlético Madrid, com 19 anos. Recorde aqui dez casos de futebolistas portugueses que se transferiram para grandes clubes europeus com menos de 20 anos e como se deram lá fora.

O anúncio oficial da transferência de João Félix para o Atlético de Madrid (por 126 milhões de euros) pode ocorrer a qualquer momento. O jovem avançado do Benfica é mais um jogador que vai deixar a Liga portuguesa com menos de 20 anos (tem 19, faz 20 em novembro) rumo a uma aventura num emblema estrangeiro, à semelhança de outros casos que aconteceram nos últimos 30 anos. A questão da (pouca) idade tem sido muitas vezes colocada, havendo quem defendesse que deveria ficar mais um ano no Benfica.

Há vários exemplos de jogadores portugueses que deixaram clubes nacionais e se transferiram para grandes emblemas europeus. Um dos primeiros casos mais mediáticos foi o de João Vieira Pinto, para o Atlético de Madrid, onde nunca chegou a jogar e deixou o jogador traumatizado para a vida. Há mais futebolistas que não se deram bem, como Ricardo Quaresma no Barcelona, por exemplo, ou mais recentemente Renato Sanches no Bayern Munique. O caso de maior sucesso é o de Cristiano Ronaldo, quando deixa o Sporting com 18 anos e se afirma quase de imediato no Manchester United. Veja aqui dez casos de miúdos sub-20 que trocaram clubes portugueses por estrangeiros com menos de 20 anos (por isso não entram nestas contas Bernardo Silva e Rúben Neves, por exemplo) e a trajetória que tiveram.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG