Três mil milhões de euros em títulos para ajuda a Portugal

O Fundo Europeu de Estabilização Financeira (FEEF) voltou hoje ao mercado, lançando três mil milhões de euros em títulos com maturidade a cinco anos para financiar a ajuda a Portugal, anunciou a instituição.

O montante vai ser disponibilizado a Portugal no próximo dia 29 e corresponde a um pedido de empréstimo de cerca de 2,2 mil milhões de euros, indicou o FEEF, em comunicado. O interesse nestes títulos, sublinhou o fundo, foi "muito forte", atingindo um tamanho final para lá dos sete mil milhões, provenientes de quase 70 investidores, diversificados a nível global.

"Como antecipado e, de acordo com transacções prévias, a procura foi particularmente forte a partir da Ásia, com uns notáveis 550 milhões de euros do Ministério das Finanças japonês", referiu o comunicado.

Segundo o administrador financeiro do FEEF, Christophe Frankel, citado no comunicado, "apesar das condições voláteis do mercado, a resposta da base de investidores ao anúncio da transacção (...) confirma o apoio continuado ao FEEF entre a base global de investidores".

Esta é a terceira emissão por parte do FEEF, depois de, em junho, ter colocado no mercado títulos a 10 anos no valor de cinco mil milhões de euros para o apoio a Portugal. Já a 25 de Janeiro, na primeira operação do fundo, foram lançados títulos com o objectivo de apoiar a Irlanda no valor de cinco mil milhões a cinco anos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG