PT vai analisar concurso do serviço universal de telecomunicações

A Portugal Telecom (PT) vai analisar o concurso para a prestação do serviço universal de telecomunicações, que foi publicado na sexta-feira passada, e só depois decidirá se concorre, disse hoje o presidente executivo da operadora.

Zeinal Bava falava no jantar debate promovido pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC), na terça-feira à noite, em Lisboa.

"Vamos analisar, ainda nem sequer nos debruçámos sobre o concurso", afirmou o gestor, adiantando que só depois da empresa fazer uma análise é que a PT irá tomar uma decisão se irá concorrer.

O Governo e a PT chegaram a acordo na semana passada para o fim da concessão do serviço universal de telecomunicações, o que evitou que Portugal fosse multado pela Comissão Europeia.

"Colaboramos construtivamente com o Estado, se não resolvessemos esse assunto isso iria penalizar o país", disse Zeinal Bava.

Para o gestor, o acordo com o Estado resultou num "entendimento satisfatório" e Portugal "não vai pagar a multa".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG