PCP diz que reforma do IRC é "grande bónus" às grandes empresas

O deputado do PCP João Oliveira considerou hoje que a reforma do IRC anunciada pelo Governo constitui um "um grande bónus às grandes empresas e à banca" e defendeu, em alternativa, medidas para recuperar o mercado interno.

"Aquilo que o governo anunciou é um grande bónus às grandes empresas e à banca. Para um governo que afirma a intenção de começar um novo ciclo é muito mau sinal ir buscar uma proposta requentada que já em 2002 com o governo PSD/CDS em que foi adotada também na altura de redução de 35 para 31 por cento da taxa de IRC", disse.

Em declarações aos jornalistas no Parlamento, João Oliveira considerou que "não é uma boa perspetiva transformar Portugal num `offshore"" para resolver os problemas da economia.

João Oliveira defendeu que a prioridade "não devia ser aliviar impostos sobre os lucros das grandes empresas e da banca" mas sim "recuperar o mercado interno, recuperando o poder de compra, devolvendo os rendimentos, os salários que foram roubados".

Mais Notícias