Obras de troço Madrid-Badajoz licitadas "de uma única vez"

O ministro do Fomento espanhol, José Blanco, afirmou hoje que em 2011 serão licitadas "de uma única vez" todas as obras que estão ainda pendentes na linha de alta velocidade até Badajoz, que se ligará depois à linha até Lisboa.

José Blanco deu as garantias do governo no Congresso de Deputados em resposta a um deputado do Partido Popular (PP) da Extremadura, Carlos Floriano, que o acusou de "mentir" aos cidadãos com as sucessivas alterações nos planos de infraestruturas do Governo para os próximos anos.

"Parece que o que o irrita é que se cumpra com a palavra dada e que se façam estes investimentos que significam licitar no próximo ano tudo o que ainda está pendente na linha de alta velocidade à Extremadura", disse Blanco.

Essa licitação será feita "de uma só vez, para garantir a linha até Lisboa", acrescentou.

O governante espanhol reafirmou que a inauguração do comboio de alta velocidade entre Lisboa e Madrid está prevista para 2013 e insistiu que os dois governos ratificaram em maio o projecto e o calendário.

O governo espanhol iniciou há dois anos as obras em alguns dos troços na ligação entre Madrid e Badajoz em TGV.

Ao contrário de Portugal, em que a obra se divide em dois troços, em Espanha, a ligação até à fronteira é feita em vários segmentos e alguns dos quais já foram concluídos, nomeadamente entre Madrid e Cáceres.

 Apesar do Governo ter atrasado várias obras públicas no âmbito das medidas de contenção do défice, as obras da ligação até Badajoz não foram afectadas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG