JP Morgan confirma demissão de alto responsável

O JP Morgan Chase confirmou hoje a demissão da sua diretora de investimentos, Ina Drew, depois de anunciar que o departamento que dirigia provocou prejuízos superiores a 2 mil milhões de dólares ao maior banco dos Estados unidos da América.

"Apesar das recentes perdas do departamento de investimentos, o enorme contributo de Ina para a nossa empresa não deveria ficar ensombrado pelo que aconteceu", afirma o presidente e conselheiro delegado da instituição financeira, Jamie Dimon, num comunicado.

Drew, que depois de mais de trinta anos na JP Morgan Chase se tornou numa das mais poderosas executivas de Wall Street, vai reformar-se e o seu lugar será ocupado por Matt Zames, atualmente co-diretor de renda fixa na unidade de banca de investimento.

A saída de Drew, que foi avançada por vários órgãos de comunicação social neste fim de semana, acontece depois do banco enviar, na quinta-feira passada, um documento ao regulador de mercado norte-americano, dando conta de que as suas operações de derivados causaram perdas de, pelo menos, 2 mil milhões de dólares.

Por trás destas perdas milionárias estaria um dos corretores de bolsa do JP Morgan em Londres, conhecido como "Voldemort" (o vilão de Harry Potter), que teria realizado enormes transações apostando numa recuperação económica sustentada numa complexa rede de transações ligadas ao valor das obrigações de empresas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG