Troika está disponível para "pequenos ajustamentos"

Os representantes da troika manifestaram alguma flexibilidade para fazer pequenos ajustamentos nos prazos para as metas do défice e para o programa de cortes de 4 mil milhões de euros.

Esta é a leitura que os parceiros sociais fazem do encontro tiveram hoje com os técnicos do BCE, Comissão Europeia e FMI, no âmbito da sétima avaliação ao programa de ajustamento português.

Mais Notícias