Rendeiro condenado no caso BPP

O fundador do BPP - Banco Privado Português, João Rendeiro, e os ex-administradores desta instituição financeira, foram considerados culpados pela insolvência do banco pelo Tribunal do Comércio de Lisboa, mas ainda podem recorrer.

O julgamento começou em maio de 2013 e o BPP está em processo de liquidação desde 2010. Este processo teve na sua origem um parecer da comissão liquidatária do banco, liderada por Luís Máximo dos Santos, que considerou a insolvência culposa. O Ministério Público acompanhou o parecer da comissão liquidatária e acusou os antigos administradores.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG