Produtividade deve-se à destruição de emprego

Portugal só está mais produtivo devido à "grande" destruição de emprego que tem vindo a assolar o país nos últimos anos, indica a Moody's num estudo sobre as economias periféricas da zona euro.

No documento, divulgado ontem à noite, a agência de rating diz que a competitividade aumentou em Chipre, Itália, Portugal e Espanha, o que é "amplamente explicado pelas melhorias na produtividade do trabalho, já que as compensações laborais [salários] nesses países não caíram desde o pico nos custos unitários do trabalho".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG