Portugueses só querem gastar 114 euros em presentes

A braços com sucessivos pacotes de austeridade, as famílias portuguesas vão ser forçadas a gastar menos este ano no Natal: o valor das prendas não deverá ultrapassar 114 euros, contra 126 euros em 2012.

São menos 9,52%. E menos 40% os 192 euros gastos no Natal de 2011, quando chegou a troika. E também está fora de questão comprar prendas a si mesmo, exceto quando é um smartphone, o único produto que mostra um claro aumento da intenção de compra.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG