Impulso Jovem é de "difícil aplicação"

O secretário-geral da UGT, João Proença, reconheceu hoje que o programa do Governo de combate ao desemprego "Impulso Jovem" é de "difícil aplicação" face à realidade atual das empresas, mas acredita numa boa divulgação.

João Proença falava aos jornalistas no final da assinatura de um protocolo entre o governo e os parceiros sociais, à exceção da CGTP, de colaboração e divulgação do programa.

Reconheceu, contudo, que face ao atual contexto de crise e contenção das empresas, o programa será de "difícil aplicação".

Mais Notícias