Grandes Opções do Plano dizem uma coisa, Orçamento faz outra

Num parecer, a que a TSF teve acesso, o Conselho Económico e Social considera que o documento diverge do OE2012 e fala na necessidade de uma mais justa repartição dos sacrifícios.

A situação difícil do país deve ser combatida com o equilíbrio entre a redução do défice e as políticas para relançar a economia e o emprego, mas esse equilíbrio não consta das Grandes Opções do Plano.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG