Governo não prevê subsídio para quem rescindir

O Governo confirmou hoje que não tem prevista a atribuição de um subsídio de desemprego aos funcionários públicos que rescindirem por mútuo acordo. Segundo o secretário de Estado da Administração Pública, "essa é uma questão que não está em cima da mesa".

"A rescisão por mútuo acordo também no setor privado não garante o acesso ao subsídio. São quotas, quotas muito pequenas, são quotas que são disponibilizadas por períodos de três anos", afirmou o secretário de Estado da administração pública, Hélder Rosalino.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG