Garcia Pereira: corte nos salários e mais horas de trabalho são inconstitucionais e terroristas

O advogado especializado em questões laborais Garcia Pereira considerou hoje que os cortes das remunerações do sector público e o aumento do tempo de trabalho são "inconstitucionais e terroristas".

"As medidas anunciadas pelo Governo, como o corte dos salários e os subsídios de férias e de Natal e o aumento forçado da jornada de trabalho são inconstitucionais e terroristas e visam causar nos trabalhadores o terror de si próprios", disse António Garcia Pereira no XV Congresso de Direito do Trabalho, a decorrer em Lisboa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG