Faria de Oliveira tem esperanças em vender o BPN

O presidente da Caixa Geral de Depósitos (CGD) está optimista quanto à venda do Banco Português de Negócios (BPN) até final de Julho. "Pelos contactos que vamos mantendo, tenho esperanças francas que o BPN seja vendido", disse Faria de Oliveira, em declarações à Lusa, à margem do colóquio internacional "A Gestão Financeira Pública e a Crise".

O responsável da CGD, que desde a nacionalização gere o BPN, disse ainda ao Negócios que o comprador do banco pode ser brasileiro. "É uma hipótese", adiantou. Entre os potenciais interessados encontra-se o Banco do Brasil, instituição que já foi contactada pelos responsáveis do BPN, entre outras instituições.

Leia mais em Dinheiro Vivo, a sua nova marca de economia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG