Défice público de caixa ficou abaixo do limite da troika

O défice provisório das administrações públicas relevante para efeitos do cumprimento do Programa de Ajustamento Económico e financeiro (PAEF) foi de 8.328,8 milhões de euros, inferior em quase 700 milhões de euros ao limite estabelecido pela troika (9.028 milhões de euros), informa a Direção-Geral do Orçamento.

O défice em contabilidade pública - e segundo os critérios acordados com a 'troika' - ficou-se assim pelos 5% do PIB, quando o limite um limite estabelecido com a 'troika' era de 5,4% do PIB.

Tal como foi antecipado há dois dias pelo ministro das Finanças em Bruxelas, o boletim da execução orçamental, hoje divulgado, mostra que o Governo conseguiu cumprir o teto da troika porque encaixou na reta final do ano "800 milhões de euros da concessão do serviço público dos aeroportos nacionais entregues pela ANA - Aeroportos de Portugal, S.A. ao Estado".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG