Álvaro Sobrinho: Os 3000 milhões "nunca saíram do BES para o BESA"

O antigo presidente do BESA falava na comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES.

Álvaro Sobrinho garante que os três mil milhões de euros "nunca saíram do BES em Portuga para o BESA", adiantou o antigo presidente do BES Angola, na comissão parlamentar de inquérito à gestão do BES e do GES.

O antigo presidente do BESA adiantou que a maioria do montante foi utilizado para tomar firme parte de uma emissão de dívida pública angolana, de emissões que vencem em 2018 e ainda estão no balanço da subsidiária angolana.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG