Desenvolver a pesca

Tânia Ribas de Oliveira afirma que "temos um passado fortemente ligado ao mar e que um país com uma costa da dimensão, categoria e qualidade da nossa" deveria desenvolver de forma mais eficaz as políticas de pesca.

A cara da estação pública de televisão acredita, assim, que dar mais importância aos pescadores e melhores condições de trabalho à sua atividade se constitui como um passo fundamental não só para revitalizar o mar e a costa, como também para potencializar e desenvolver a economia nacional.

A apresentadora declara um carinho especial pelo mar, confessa gostar de contemplar a água e as ondas e de "mandar um mergulho", defendendo que "de uma forma ou de outra o mar faz bem a toda a gente, mesmo que as pessoas não apercebam disso".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG