Construção: Produção cai 8,8% e remunerações diminuem 4% em Abril

A produção na construção caiu 8,8 por cento e as remunerações pagas pelo sector diminuíram quatro por cento em Abril, face ao mesmo mês do ano passado, revelam dados do INE hoje divulgados.

Face a Março, a variação também foi negativa, ao registar uma queda da produção de 6,9 por cento, inferior à variação face ao período homólogo de 2010, segundo o índice de produção, emprego e remunerações na construção do Instituto Nacional de Estatística (INE).

A redução da actividade de construção resultou, segundo o instituto, das reduções mais intensas em termos homólogos observadas tanto no segmento da construção civil como o da engenharia civil, mas foi mais acentuada neste último, que caiu 7,8 por cento em termos homólogos (menos 4,9 por cento no período anterior) e contribuiu assim com menos 4,2 pontos percentuais para a variação do índice total.

A Construção de Edifícios caiu 9,8 por cento, quando tinha diminuído 9,1 por cento em Março, tendo contribuído com menos 4,6 pontos percentuais para a variação do índice agregado.

O volume de emprego no sector diminuiu nove por cento face a Abril do ano passado, mas em relação ao mês anterior de Março caiu 1,1 por cento, quando em igual período do ano anterior tinha diminuído 0,4 por cento.

As remunerações pagas na construção diminuíram quatro por cento em termos homólogos, traduzindo uma queda de 2,8 por cento face a Março, enquanto em relação ao mês anterior as remunerações diminuíram 0,3 por cento traduzindo uma variação positiva de um por cento em Abril do ano passado.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG