Bolsas europeias no vermelho à espera de indicadores

As bolsas na Europa estão hoje a negociar no vermelho, com os mercados a fazerem uma correção técnica e a realizarem mais-valias enquanto esperam pela saída de indicadores macroeconómicos na zona euro.

Perto das 8:15, o índice Euro Stoxx recua 0,10%, para 3.194,45 pontos, enquanto as principais praças europeias seguiam a perder terreno, com perdas que variam entre os 0,06% de Paris e os 0,29% de Milão.

Segundo a agência de informação financeira Bloomberg, os analistas consideram que se assiste a "uma realização de mais-valias", depois das últimas sessões de ganhos na Europa.

Num dia recheado de indicadores económicos na Europa, os mercados no velho continente estão também à espera de indicadores macroeconómicos.

Em Espanha, aguarda-se pelo valor final do Produto Interno Bruto (PIB) no 2º trimestre, tendo os últimos dados mostrado uma evolução em cadeia de 0,6%, e também os dados da inflação homóloga em agosto, prevendo-se neste caso uma deflação de 0,6%.

Também na Alemanha se vai conhecer a inflação homóloga, que se espera que seja de 0,8%.

Já os indicadores de confiança em diversos setores de atividade na zona euro devem ter recuado em agosto, referem os analistas.

A zona euro está com um crescimento "muito fraco" e uma inflação baixa, o que leva os investidores a olharem atentamente para os indicadores que saírem.

A deterioração da situação na Ucrânia, com o aumento das tensões geopolíticas, está por sua vez, a influenciar as maiores praças europeias.

Do outro lado do velho continente também se espera pela saída de indicadores que poderão influenciar as principais praças na Europa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG