Bolsa de Lisboa em alta ligeira

(ATUALIZAÇÃO) O principal índice da bolsa portuguesa, o PSI20, seguia hoje em alta ligeira, em sentido contrário ao das principais praças europeias.

Cerca das 09:15, o PSI20, que inclui atualmente 18 empresas, estava a subir, mas apenas 0,05%, para 5.720,70 pontos, com nove cotadas a negociarem em terreno positivo, sete a cair e duas estáveis.

As ações dos CTT, BPI e BCP eram as que registavam maiores valorizações, estando a subir respetivamente 2,47%, 0,90% e 0,39%.

Os títulos dos CTT, BPI e BCP estavam a valer 7,655 euros, 1,68 euros e 0,1034 euros, respetivamente.

Já os 'papéis' da NOS, Portucel e Altri eram os que maiores perdas registavam, estando na altura respetivamente a cair 0,89%, 0,89 e 0,85% e a cotar-se a 4,678 euros, 3,015 euros e 2,22 euros.

Entretanto, as principais bolsas europeias abriram hoje em baixa, no início de uma sessão que se prevê calma, à espera da divulgação de vários indicadores macroeconómicos.

Ao nível cambial, o euro abriu hoje em baixa no mercado de divisas de Frankfurt, a cotar-se a 1,2668 dólares, contra 1,2697 dólares no encerramento de sexta-feira.

Durante a semana serão conhecidos na Europa diversos indicadores de sentimento económico e de clima empresarial e na quinta-feira além de realizar a reunião mensal para analisar e eventual modificar a política monetária, o BCE vai anunciar como se vão desenvolver os programas de compra de dívida privada.

Em Espanha, além da divulgação de diversos indicadores económicos, o Congresso deverá receber o Orçamento de Estado para 2015.

Nos Estados Unidos, a principal referência será a publicação na sexta-feira de dados do emprego em setembro.

Para hoje, a referência vai ser a emissão de dívida a um ano da Alemanha, onde serão conhecidos dados da inflação e as perspetivas para 2014/15 do Instituto de Economia alemão (IW).

O barril de petróleo Brent, para entrega em novembro, abriu hoje em baixa, a cotar-se a 96,62 dólares no Intercontinental Exchange Futures (ICE) de Londres, menos 0,25% do que no encerramento da sessão anterior.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG