15 de Outubro diz basta junto a gabinete do FMI

A Plataforma 15 de Outubro realiza hoje um protesto, em frente ao gabinete do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Lisboa, para dizer "basta" à presença da organização em Portugal e exigir a demissão do Governo.

"Vem ao FMI mostrar quem manda aqui" é o lema do protesto marcado para as 18:00, que tem como objetivo contestar as políticas do Governo e do FMI.

Numa nota, a Plataforma 15 de Outubro refere que "é preciso continuar a sair à rua, para que o Governo caia de vez", tendo em conta que Orçamento do Estado vai "condenar milhares de pessoas à fome e à miséria" e o conjunto de recomendações avançadas pelo FMI "consistem em mais despedimentos, cortes nos salários, saúde e educação".

Davide Santos, da Plataforma 15 de Outubro, disse à agência Lusa que esperam pela presença na concentração de outros movimentos.

O ativista adiantou que vão estar em frente ao gabinete do FMI "o tempo necessário para demonstrar o descontentamento e insatisfação com as políticas que o FMI quer introduzir no país, que vão levar à miséria".

Na concentração, os manifestantes vão dizer "basta" e que está "na hora de mandar o Governo e o FMI" para a rua.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG